Quando Falta Inspiração

Escrito por -
0 Flares Facebook 0 Twitter 0 Pin It Share 0 Google+ 0 0 Flares ×

O Mosteiro Favo de Mel tem estado calmo nesse começo de ano… bzz. Mas em poucas semanas isso vai mudar… bz… está chegando o período de aconselhamento das Liebees. Antes que isso comece, aproveito para meditar e escrever… bzz.

Nestes últimos dias, porém, estava meio difícil… bbz… minha mente estava inquieta e sem inspiração. Nessas horas minhas asas não param de bater… bzzz… uma vez até sai pela janela do alto do mosteiro.

Resolvi sair para andar pela colmeia, cedo ainda… bz, muitas Liebees não haviam deixado seus favos… bz. E nessa minha caminhada, cheguei a um café que fica em uma parte isolada, mas muito calma da colmeia.

Entrei no local, o cheiro do café com mel fresco já tomava o lugar… bzz, fui ao balcão, pedi uma xícara e me sentei, curtindo aquela manhã… bz.

Quando estava na metade da xícara, sinto uma mão no meu ombro e alguém me chamar: Olho para trás e Bartolomel está lá… bzz, amigável e sorrindo como sempre. Ele se senta e começamos a conversar:

Meu velho amigo, como vai a Liebee mais experiente de toda a colmeia?

Batuta! Não tenho ficado mais jovem, mas minhas asas continuam batendo a beça. – Bartolomel adora essas  piadas com idade.

Bobagem! Está mais forte do que nunca. Pronto para polinizar o mundo!

Ainda tenho disposição para uma festança, sábio Mahatmel.

Obrigado pelo sábio. Mas como toda Liebee ainda tenho muito a aprender e também possuo minhas incertezas.

Após um gole de café, ele continua:

Tudo bacana no mosteiro? Com a corda toda para começar a época de aconselhamentos?

Acho que sim! Mas tenho estado sem inspiração ultimamente. Isso me deixa inquieto. – a ponto de voar.

E de onde costuma vir sua inspiração, sábio?

Não sei ao certo… – uma pergunta difícil de responder – acho que das coisas normais, cotidianas.

E por que raios isso não tem funcionado? o que houve de diferente?

Nada! nada diferente, as coisas continuam calmas, tudo da mesma forma de antes. Continuo meditando no mosteiro, escrevendo em minha mesa e tomando meu mel da tarde. – nada que eu pudesse me lembrar.

Vamos ver se eu entendi, meu chapa: você está sem inspiração. Mas tudo continua igual, da mesma forma de sempre, nenhum bode. É isso? – muitas perguntas.

Exato! tudo igual.

Será que esse não é o problema? – ele limpava seus óculos.

Eu fiquei sem resposta e Bartolomel continuou:

Entenda, eu estou a um bocado de tempo batendo asas, mais tempo que muitas Liebees possam imaginar. Coisa a beça mudou, nos favos, na colmeia e nos jardins, mas principalmente, muita coisa aqui dentro mudou, na cachola. – apontando para a própria cabeça.

Continuei a ouvir com a atenção meu velho amigo.

Antigamente, eu achava outras coisas bacanas, tinha outras atividades e frequentava outros lugares, mas com o tempo as coisas foram perdendo a graça e algumas ficaram só por hábito, rotina. Mesmo não me trazendo a mesma inspiração. Talvez, você precise mudar, sábio!

Mudar minha rotina? – agora eu perguntava.

Não sei! as mudanças são suas, meu chapa. A grande pergunta é: o que te inspira hoje? E se você não sabe responder, talvez tenha que descobrir de novo. – ele acabou a frase com o mesmo sorriso sereno.

Obrigado, velho amigo. Sempre inspirador conversar com você, mas agora preciso ir.

Quando precisar! Mas resolva esse bode, combinado?

Combinado!

Nos despedimos com um abraço! Bartolmel saiu… bzz… e segui meu caminho, voando para o Mosteiro Favo de Mel… bbz, parei na porta, mas não consegui abri-la. O que me inspirava?

Entrei, fui até a minha mesa, peguei uma folha e escrevi… bzzz…, voltei a porta do mosteiro e pendurei o aviso:
“temporariamente fechado! Estou viajando.”

Era hora de conhecer novos lugares! Bati asas para fora da colmeia… bz.

Veja a continuação dessa história: Quando Falta Inspiração 2: árvores e pedras

 

O Mundo Beelieve é um projeto de ilustração de boas ideias e polinização! Aqui espalhamos ideias positivas e queremos mostrar a todos que tornar o mundo melhor só depende de nos mesmos.

Mahatmel Favo
Mahatmel Favo

Anos de meditação me mostraram a real polinização. No mosteiro favo de mel ensino as outras Liebees a polinizar o mundo, nem sempre elas entendem, mas isso não me impede de polinizar.

1 Comentário to Quando Falta Inspiração

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *